Cebolinha – o resgate

cebollinha

Cebolinha no dia em que foi recolhido

Já aqui tínhamos falado sobre a Sarna, os sintomas, diagnóstico e tratamento, num post que voltamos a recomendar que leia, AQUI.

O Cebolinha é um caso especialmente difícil e representativo do que a negligência e indiferença de quem passa, olha mas nada faz, pode fazer a um animal.

cebolinha 3

Cebolinha, no dia da sua chegada, diagnosticado com sarna muito severa e diversas infecções.

Este patudo foi resgatado no dia 3 de junho de 2016, após aviso de uma amiga dos animais que o avistou. Sem o ter encontrado mais durante uns tempos, pediu ajuda à ALAAR e empenhou-se também na resolução. Procuraram-se informações para conhecer as suas rotinas e locais onde costumava estar  para tentar capturá-lo para tratamento e percebeu-se também que este animal era conhecido dos alguns moradores.

A armadilha foi montada e esperou-se.   Procurou-se em vários caminhos onde foi dito ser habitual ele passar. Quando já tudo indicava que não seria possível capturá-lo nesse dia, o Cebolinha apareceu à frente do carro, parando para comer uns restos de comida perto de um muro. Meia hora depois entrava na clínica.

O diagnóstico inicial foi muito reservado, dado o estado que apresentava toda a pele do corpo. Foram feitos testes iniciais e confirmada sarna muita severa. Imediatamente começou com banhos, cremes e medicação. Uns dias depois, o diagnóstico tão esperado: NEGATIVO para leishmaniose, o maior receio. Presença de infeções várias por fungos e bactérias. Comeu sempre muito bem e só quis dormir na primeira semana.

Agora, aguardam-no meses de recuperação, mas tudo o que for possível será feito para recuperar este patudo tão sofrido e ignorado (andava há meses na zona sem que ninguém o “VISSE”).

É de uma meiguice incompreensível; nunca, mas nunca, tentou sequer abrir a boca para se defender ou se queixou durante o resgate ou tratamentos.

O caso do Cebolinha tem conquistado todos os que são empáticos com o sofrimento animal e compreendem o longo, difícil e dispendioso caminho de tratamento que o esperam e teve, justa e merecidamente, direito a ser noticiado no jornal JN online, numa reportagem que pode ver AQUI.

CEBOLINHA2

Cebolinha, após 1 semana de tratamento, com vontade e força suficientes para vir ver  a luz do dia

Poderá ir seguindo o caso do Cebolinha através do Facebook da ALAAR, AQUI.

Este pequeno vídeo mostra parte do tratamento a que o Cebolinha está a ser sujeito.

 

A ALAAR tem em curso uma venda de rifas que reverterão a favor do Cebolinha. Para partcipar basta apenas basta que escolha um dos nomes dos ainda disponíveis no quadro  seguinte e nos envie um email com os mesmo e com o comprovativo de transferência para alaarpl@gmail.com.

rifas_cebolinha.png

A venda destas rifas reverterá a favor do Cebolinha. Caso queira ajudar de outra forma, poderá sempre fazê-lo através da nossa conta ( IBANPT50 0079 0000 1322 1035 1022 1) ou do nosso nr. de telefone Solidário (760303160)

O prémio final será este bonito quadro:

quadro_cebolinha.jpg

Agradecemos reconhecidos as manifestações de carinho e apoio e obviamente os donativos para ajuda do tratamento que temos recebido dos amigos dos animais e da ALAAR.

Juntos vamos fazer a diferença na vida deste patudo. Acompanhem-nos!

 

Anúncios

Um pensamento sobre “Cebolinha – o resgate

  1. Pingback: A recuperação do Cebolinha | Cantinho Amigo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s